Nutrição mental: crie e consuma conteúdo inteligente

 

A gente sabe que as imagens são um rico complemento na hora divulgar um conteúdo. Porém, quem não é designer sofria até tempos atrás, ou melhor, até inventarem o canva. Além de intuitivo (seu principal atributo), no site você encontra várias opções de templates, sugestões de combinação de cores e dicas de como posicionar os textos lá dentro. 

Já faz um tempo que republiquei aqui no blog um conteúdo do site Update or Die, que trazia a relação do consumo de conteúdo com o consumo de alimentos, a partir da lógica de que o conceito de nutrição não vale apenas pelo o que entra pela boca, mas sim por todos os nossos sentidos. Em meio a tanto conteúdo que passa pelos nossos olhos quando navegamos na internet, se não filtrarmos o que consumimos, pouca coisa será de fato aproveitada. Nesse sentido, é importante ter isso em mente na hora de criar também. Quer consumir conteúdos interessantes? Então seja interessante.

Achei a série tão legal que resolvi recriá-las (no canva), de modo que ficassem mais atraentes e a mensagem cumprisse o seu papel. Ficou assim (clique na imagem para aumentá-la):

No mês que vem darei o curso Criando o Meu Manual de Identidade Digital para quem é autônomo, conhece os seus produtos & serviços, mas precisa de uma ajudinha para criar o seu repertório online. Serão quatro encontros para dar vida online aquele projeto que está parado.

Para inscrições e outras informações, é só vir aqui

{Aproveite para baixar o e-book Manual de Identidade Digital: o que você precisa saber para criar o seu}

Beijo beijo!